“Nightmare at 30,000 Feet” — Pictured: Adam Scott as Justin Sanderson of the CBS All Access series THE TWILIGHT ZONE available to stream on Monday, April 1st. Photo Cr: Robert Falconer/CBS © 2018 CBS Interactive. All Rights Reserved.

Crítica | Além da imaginação (2019)

Em 2019 a rede de TV norte americana CBS, juntamente com Jordan Peele (diretor de Nós e Corra!), produziu mais uma adaptação da clássica série dos anos 60: Além da imaginação (The twilight zone). No Brasil a série está disponível atualmente pelo serviço de streaming Amazon Prime.

Seguindo os moldes do original a primeira temporada da produção possui 10 episódios, com histórias independentes, mesclando elementos de fantasia, ficção científica e horror.

Jordan Peele, além de produzir a nova versão do programa, narra a introdução dos episódios, assim como fazia Rod Serlig criador da série original, e atuar no último episódio da temporada.

O elenco do programa também conta com alguns renomados atores, como Seth Rogen, John Cho, Taissa Farmiga, Adam Scott entre outros.

Um dos pontos fortes do show é a produção. Visualmente os episódios são muito agradáveis, com ângulos e cores que destacam-se nas cenas. Alguns episódios apresentam trilhas sonoras inquietantes que dão um tom de suspense.
Apesar de seguir os passos do programa original essa adaptação flerta com a ideia de “Black Mirror” na abordagem de temas político-sociais, direta e indiretamente, deixando a ficção característica da série em segundo plano, o que desagradou amplamente os fãs. Isso mostra a forte influência de Peele no processo criativo.
Além disso os enredos, em sua maioria, não possuem grandes reviravoltas ou finais significantes e falham ao criar a atmosfera de suspense ao espectador.
Já a crítica especializada se divide ao falar sobre o show. Contudo, existe um consenso na fraqueza do enredo entregue em relação ao original.

A desaprovação do público fica clara, pois a série atinge somente 40% na escolha da audiência do Rotten tomatoes e nota 5.7 no IMDB. Mesmo assim a CBS já iniciou a produção da 2ª temporada, novamente em conjunto a produtora de Jordan Peele.

No geral a primeira temporada da série deixou a desejar, podendo ser chamada de “Aquém” da imaginação. Há ainda esperança de que, após tantas críticas, a 2ª temporada traga episódios à altura da série original.

Se ficou interessado em assistir, a série está disponível no Amazon Prime Video, o serviço de streaming da Amazon. Se ainda não tem conta no serviço, crie a sua e tenha acesso ao Prime Video, frete gratuito em milhares de produtos da Amazon, além de diversas outras vantagens por apenas R$ 9,90 por mês, Conheça.

2.0

DE 5

Gustavo Camillo

Artigos relacionados

1 Comment

  • Wow!!! Eu adorava assistir The Twilight Zone! Só por saber que tem a ver já me empolguei, mesmo pela nota. Fiquei curiosa para ver! Valeu!!!

Comentários

%d blogueiros gostam disto: