Especial | Saiba tudo sobre as Tartarugas Ninja

No início dos anos 80, dois nerds, fãs dos quadrinhos da Marvel, imaginaram uma tartaruga brandindo nuchakusKevin Eastman e Peter Laird, são os responsáveis pela criação das tartarugas mutantes que fizeram e fazem parte da vida de muitos geeks por todo o mundo. 

A ideia inicial veio como uma paródia das obras do lendário Frank Miller, Demolidor e Ronin (que envolviam ninjas, samurais e ficção científica) e também aos X-Men (de onde veio a origem mutante). E em 1984, de forma independente, eles lançaram a primeira revista dos reptéis ninja, na sua própria editora chamada Mirage Studios

O que Eastmam e Laird não esperavam, é que sua revista tivesse seus 3 mil exemplares esgotados, assim, as reimpressões tiveram o mesmo sucesso, fazendo com que as Tartarugas Ninja tivessem o primeiro número um de um título fixo. Após isso, foi só sucesso pelos próximos anos.  

A série ganhou um RPG pela Palladium Book, miniaturas de chumbo pela Dark Horse Miniatures, reimpressões coloridas das revistas originais, e enfim, uma nova linha da brinquedos pela Playmate Toys, que iria fabricar os bonecos das Tartarugas com a condição de que houvesse uma série de desenho animado para tornar o conceito mais difundido para o público em geral. A partir daí, as Tartarugas Ninja se toraram o fenômeno mundial que vemos até hoje, rendendo várias séries animadas, quadrinhos, jogos de videogames, action-figures e filmes lançados no cinema. 

A origem dos heróis e a homenagem ao Homem sem Medo de Frank Miller

Um corajoso menino foi atingido por um caminhão ao salvar um senhor cego. O caminhão carregava um elemento radioativo que o “cegou”.  

Esta parece ser, e é, a origem do Demolidor da Marvel, mas também é a origem das Tartarugas ninja. Na história de Eastman e Laird, o elemento radioativo continuou seu caminho até acertar um aquário que um menino segurava, que continha suas quatro tartarugas de estimação. Além de acertar também um rato que tinha como seu dono, um mestre de artes marciais. 

O elemento radioativo fez com que crescessem em forma humana, aprendessem a falar e principalmente, a lutar. Treinados sob a tutela do rato Mestre Splinter, o quarteto composto por Leonardo, Raphael, Michelangelo e Donatello — nomes de quatro artistas italianos do Renascimento —, viraram o maior pesadelo do Clã do Pé (referência ao The Hand – A mão – ou o Tentáculo da Marvel) que era liderado pelo maligno vilão chamado de Destruidor. 

Principais personagens e suas características

Leonardo

Com o nome em homenagem ao artista Leonardo da Vinci, é o corajoso líder do grupo, e o mais dedicado estudante de seu sensei, ele também é o responsável pelas táticas do grupo. Ele usa a máscara azul e duas katanas longas e carrega o peso da responsabilidade por seus irmãos. 

Donatello

Don é o cientista inventor, engenheiro e gênio tecnológico, usa a máscara roxa e empunha um . Seu nome é inspirado no artista e escultor Donatello. Ele é, talvez, o menos violento do grupo, pois prefere usar seu conhecimento para resolver conflitos. 

Raphael

Raphael é o “arruma encrenca” da equipe, o bad boy, e o mais feroz do grupo, ele nunca hesita em desferir o primeiro golpe. Raph usa a máscara vermelha e empunha um par de Sai. Embora possua a personalidade mais agressiva e sarcástica, ele é leal aos seus irmãos e sensei. Seu nome é uma homenagem ao pintor e arquiteto italiano, Raphael. 

Michelangelo

O amante de pizzas e o alívio cômico do grupo, Mikey, é o personagem mais brincalhão, usa a máscara laranja e empunha um par de Nunchaku. Ele tem um lado mais aventureiro e “livre” de ser. Ele foi nomeado em homenagem ao pintor, escritor, arquiteto, poeta e engenheiro italiano, Michelangelo. 

Mestre Splinter 

O rato mutante japonês, sensei e pai adotivo das tartarugas, aprendeu os caminhos do ninjutsu com seu antigo dono, o senhor Hamato Yoshi.  

April O’Neil

É a corajosa ex assistente de laboratório do cientista Baxter Stockman. Nos filmes, na série de TV e nos quadrinhos da Archie Comics, ela é uma repórter de televisão. Já no filme animado de 2007, ela e Casey Jones trabalham em uma empresa de transporte. Sua origem também sofreu mudanças em 2012, na série de tv, onde ela é uma adolescente que foi resgatada pelas Tartarugas Ninja, e mais tarde treina para se tornar uma ninja com o Mestre Spilter. Em todas as histórias, April O’Neil é a companhia humana das Tartarugas. 

Casey Jones

Este é o aliado mais próximo das tartarugas mutantes. Ele combate o crime usando uma máscara de hóquei e carrega consigo um saco de golfe com uma variedade de artigos esportivos para enfrentar os criminosos, como tacos de golfe e hóquei, bastões de beisebol e etc.

Karai

A Kunoichi do Clã do Pé, geralmente é apresentada como filha ou neta do vilão Destruidor, e na maioria dos trabalhos é a principal rival, e interesse romântico, de Leonardo. 

Bebop e Rocksteady 

Após sofrerem uma derrota humilhante na mão do quarteto das tartarugas, a dupla, experimentou um soro mutante criado pelo Destruidor que os transformou em monstros com aparências de animais, sendo Bebop com aparência de um javali humanoide e Rockstready como um rinoceronte humanoide. Os dois se tornaram parte dos maiores vilões e personagens de todo o universo das Tartarugas Ninja

Jennika

Após ser ferida em combate com Karai, Casey Jones a salva e leva até as Tartarugas Ninja, que para salva-la da morte, fazem uma transfusão de sangue, que a transforma em uma Tartaruga. Jenni usa máscara amarela e garras ninja, ela se juntou ao Clã do Pé nas recentes HQs. Ela é também a mais nova personagem criada em 2020 e a quinta tartaruga ninja.

Destruidor

O mestre do ninjitsu e lider do Clã do Pé, é o principal arqui-inimigo das Tartarugas, em especial ao Mestre Splinter. Ele é o Alter ego de Oroku Saki, foi ele quem matou Hamato Yoshi. O Destruidor usa uma armadura equipada com espinhos para lutar que lembra muito a figura de um outro vilão icônico, o Darth Vader de Star Wars. 

Principais aparições

As Tartarugas Ninja tornaram-se um fenômeno em toda cultura pop durante a década de 80 e 90, e um pouco dos anos 2000, tendo então, muitas aparições em diferentes mídias, desde os quadrinhos, até as telonas dos cinemas de todo o mundo. 

Inicialmente nos quadrinhos, em 1984, lançados pela Mirage Comics, as histórias eram bem violentas, até o lançamento das animações que ganharam um público mais infantil. Então, a Archie Comics passou a publicar histórias infanto-juvenil das Tartarugas Ninja. Além dos quadrinhos, também foi publicado pela Image Comics uma série de mangás em 1996. 

Em 2015, a DC Comics lançou um crossover das Tartarugas Ninja com o Batman que foi publicado junto com a IDW

Nas animações de TV, a série foi distribuída inicialmente pela Murakami-Wolf-Swenson Production em 1987, depois produzido pela Mirage Comics em 2003; uma nova série foi lançada e que durou até 2009. Já em 2012, as Tartarugas Ninja passaram a fazer parte da Nickelondeon que até hoje possuí os direitos sob os personagens.

Em 1997, produzido pela Saban, uma série de televisão nos moldes dos Power Rangers, foi ao ar, contando uma nova história das Tartarugas Ninja que inclusive, rendeu um crossover épico com Power Rangers

Nas telonas, as Tartarugas apareceram em 7 longas, começando por uma trilogia que começou em 1990 e foi até 1993. O primeiro filme de 1990, é um dos melhores (se não o melhor) filme das Tartarugas Ninja, assim como o terceiro, talvez seja o pior. 

Em 2014 uma nova saga chegou aos cinemas, que teve continuação em 2016 e foi bem recebida, embora tenha desagradado alguns fãs pelas mudanças em alguns personagens clássicos. Mas os efeitos especiais atuais, deram um gostinho diferente e bem interessante ao universo das Tartarugas Ninja

Recentemente a editora Pipoca e Nanquim começou a publicar no Brasil as histórias clássicas das tartarugas mutantes. Um título já foi lançado, enquanto o segundo volume, já foi anunciado e está em pré-venda neste momento:

As Tartarugas Ninja têm potencial de continuarem trazendo novas aventuras para futuras gerações, e com um acervo tão grande de histórias antigas, é certo que elas estarão para sempre presentes na cultura pop. 

Você já conhecia a história das Tartaruga Ninjas Mutantes Adolescentes? Se sim, conte para nós qual a sua história preferida. 

Digiqole ad

Leonardo Vieira

Fã de quadrinhos e cinema, futuro jornalista e amante de robôs gigantes!

Artigos relacionados

2 Comments

  • ótimo texto, nostálgico demais

  • Não sabia que existia uma Tartaruga Ninja feminina, amei teu artigo!

Comentários

%d blogueiros gostam disto: