Em uma noite muito dividida, repleta de azarões, aconteceu nesse domingo (5) a entrega de prêmios do Globo de Ouro 2020. Apresentada pelo ator, apresentador e comediante Ricky Gervais, a 77ª edição, produzida pela Associação da Imprensa Estrangeira em Hollywood, deu início à temporada de prêmios com grandes surpresas.

Nos destaques estão os atores Taron Egerton e Awkwafina que foram indicados pela primeira vez ao Globo de Ouro e levaram os prêmios de melhor ator e atriz em filme de comédia ou musical pelos longas ‘Rocketman’ e ‘The Farewell’, respectivamente. A atriz Renée Zellweger havia sumido das premiações há mais de 15 anos e voltou com tudo, levando o prêmio de melhor atriz em filme de drama pela cinebiografia ‘Judy’. Outra surpresa foi Brad Pitt, que levou o prêmio de melhor ator coadjuvante em filmes desbancando grandes nomes como Tom Hanks, Anthony Hopkins, Al Pacino e Joe Pesci.

Falando em Pitt, seu longa ‘Era Uma Vez em… Hollywood‘ foi o grande vencedor da noite, levando 3 estatuetas, incluindo melhor filme de comédia ou musical e melhor roteiro para Quentin Tarantino. O filme ‘1917‘ levou os importantes prêmios de melhor direção, com surpresa para Sam Mendes, e melhor filme de drama, enquanto o bem sucedido ‘Coringa‘ levou os prêmios de trilha sonora e de ator de filme de drama para Joaquin Phoenix.

No mundo das séries, a disputa foi bem dividida, ‘Sucession‘, ‘Fleabag‘ e ‘Chernobyl‘ lideraram o empate levando em duas categorias cada.

Dentre os azarões, os filmes ‘História de um Casamento‘ e ‘O Irlandês‘, ambos da Netflix, foram os mais indicados mas o único prêmio que levaram foi para a atriz coadjuvante Laura Dern do primeiro filme. Inclusive, esse foi um dos únicos prêmios levados pela gigante dos streamings, que teve também a vitória de Olivia Colman como melhor atriz em série de drama para ‘The Crown’.

Confira a lista completa dos vencedores:

Cinema

MELHOR FILME DE DRAMA:
1917

MELHOR FILME DE COMÉDIA OU MUSICAL
Era Uma Vez em… Hollywood

MELHOR ATRIZ EM FILME DE DRAMA
Renée Zellweger, “Judy”

MELHOR ATOR EM FILME DE DRAMA
Joaquin Phoenix, “Coringa”

MELHOR ATRIZ EM FILME DE COMÉDIA OU MUSICAL
Awkwafina, “The Farewell”

MELHOR ATOR EM FILME DE COMÉDIA OU MUSICAL
Taron Egerton, “Rocketman”

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE EM FILMES
Laura Dern, “História de um Casamento”

MELHOR ATOR COADJUVANTE EM FILMES
Brad Pitt, “Era Uma Vez em… Hollywood”

MELHOR DIREÇÃO EM FILMES
Sam Mendes, “1917”

MELHOR ROTEIRO EM FILMES
Quentin Tarantino, “Era Uma Vez em… Hollywood”

MELHOR FILME DE ANIMAÇÃO
Link Perdido

MELHOR FILME ESTRANGEIRO
Parasita (Coreia do Sul)

MELHOR TRILHA SONORA ORIGINAL
Coringa

MELHOR CANÇÃO ORIGINAL
“I’m Gonna Love Me Again”, Rocketman

TV

MELHOR SÉRIE DE DRAMA
Succession (HBO)

MELHOR SÉRIE DE COMÉDIA OU MUSICAL
Fleabag (Amazon Prime Video)

MELHOR MINISSÉRIE OU FILME PARA TV
Chernobyl (HBO)

MELHOR ATRIZ EM SÉRIE DE DRAMA
Olivia Colman, “The Crown”

MELHOR ATOR EM SÉRIE DE DRAMA
Brian Cox, “Succession”

MELHOR ATRIZ EM SÉRIE DE COMÉDIA OU MUSICAL
Phoebe Waller-Bridge, “Fleabag”

MELHOR ATOR EM SÉRIE DE COMÉDIA OU MUSICAL
Ramy Youssef, “Ramy”

MELHOR ATRIZ EM MINISSÉRIE OU FILME PARA TV
Michelle Williams, “Fosse/Verdon”

MELHOR ATOR EM MINISSÉRIE OU FILME PARA TV
Russell Crowe, “The Loudest Voice”

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE EM SÉRIE, MINISSÉRIE OU FILME PARA TV
Patricia Arquette, “The Act”

MELHOR ATOR COADJUVANTE EM SÉRIE, MINISSÉRIE OU FILME PARA TV
Stellan Skarsgård, “Chernobyl”

Clique aqui para ver a lista completa de quem eram os indicados.

Comentários